top of page
  • Foto do escritorRicardo de Souza Coelho

Tecidos para Sofá: Guia Essencial para Escolher o Ideal e Manter seu Sofá Impecável

Como Escolher o tecido Ideal e Manter seu Sofá Impecável!


Seu sofá é muito mais do que um simples móvel. Ele é o local preferido para reunir a família, o refúgio onde você relaxa após um longo dia e o ponto de encontro para momentos de convívio com a família e amigos. Mas com tantas opções de tecidos disponíveis no mercado, como escolher o ideal para o seu sofá? E mais importante ainda, como mantê-lo impecável ao longo do tempo?


Desvendando os Tipos de Tecidos para Sofá

1. Tecidos Naturais



Tecidos de fibra natural

  • Algodão: Macio, respirável e natural. Ideal para quem busca conforto, mas requer cuidados especiais para evitar desgaste.

  • Linho: Elegante e durável, com uma textura rústica. Perfeito para climas quentes.

  • : Aconchegante e resistente, mas menos comum em estofados.

2. Tecidos Sintéticos



Tecidos sintéticos


  • Poliéster: Durável, fácil de limpar e acessível. Ótima escolha para famílias com crianças e animais de estimação.

  • Nylon: Resistente a manchas e desgaste. Ideal para sofás muito usados.

  • Acrílico: Similar ao poliéster, oferece praticidade e resistência.

3. Tecidos Mistos



Tecido misto


  • Misto: Combinam as vantagens dos tecidos naturais e sintéticos. Conforto, durabilidade e facilidade de limpeza em um só tecido.


Tecidos mais comuns encontrados nos estofados

  • Suede: Um dos tipos de tecido para estofado mais populares atualmente é o suede. Isso porque sua textura macia e aveludada é aliada a um valor bastante em conta. Sem falar que o suede também é extremamente durável e possui uma gama de cores enorme. O que traz mais versatilidade na hora de escolher a tonalidade ideal para sua decoração. Um porém deste tecido é seu aspecto altamente absorvente, o que faz com que seja mais suscetível a manchas. Isso faz com que não seja muito recomendado para quem tem crianças ou pets em casa, já outro porém é que ele é o queridinho dos higienizadores pois utilizando os processor adequados de higienização é o que traz um melhor resultado sendo muito percepetivel a mudança do antes sujo e contaminado para um limpo e sanitizado.

  • Sarja: Este é um dos mais baratos tipos de tecido para estofado, valendo muito a pena no custo benefício.  Sua textura é agradável, o material é bastante resistente, ideal para ambientes mais quentes, devido ao seu toque “fresquinho”. A principal característica deste sofá é sua aparência mais robusta, que combina muito bem com elementos como madeira, por exemplo.

  • Chenille: Um pouco mais caro do que os tipos de tecido para estofado anteriores, a trama do chenille mistura algodão, seda e lã. Antes do boom do suede, o chenille era o queridinho dos estofados em geral. Seu encanto está principalmente em sua trama, que pode ser tanto quadriculada como listrada. Além, é claro, de sua típica textura suave. Mesmo com todo seu charme, o chenille não é o melhor tecido para estofados de quem sofre de alergias respiratórias. Isso porque costuma reter muita poeira, podendo desencadear crises alérgicas. Se para você não é problema manter uma rotina de limpeza frequente, este tecido é excelente para seu estofado. Isso porque sua trama, além de acumular poeira, também absorve líquidos com maior facilidade, podendo causar manchas.

  • Linho: Procurando um tipo de tecido para estofado com bom custo benefício, resistente e versátil? Acabou de encontrar! O linho possui uma textura incrivelmente durável, com um toque agradável e ainda é antialérgico. Ou seja, ideal para quem sofre de doenças como rinite, por exemplo.  Outra vantagem do linho é ser muito mais resistente à absorção de líquidos, em relação a outros tecidos. O que o torna ideal para lares com crianças e/ou pets. Ainda que ofereça todas essas vantagens, o linho é um tecido com valor mais elevado. Então,  é bom se preparar para um estofado mais caro ao optar por ele. Outro ponto muito importante resaltar que ele é o pesadelo do higienizador de estofados, pois ele requer cuidado extremo em todos os processos de higienização como na quantidade de quimico aplicada, diluição correta do quimico, esfregação (ação mecanica), extração e principalmente na secagem. Qualquer descuido em qualquer desses processos o resultado é um verdadeiro desastre. Para quem adora uma misturinha e formulas mágicas de limpar sofá pode esquecer pois no linho isso será fatal.

  • Couro: O couro é outro dos tecidos para estofado que possui uma aparência imponente, sofisticada, ideal para ambientes mais chiques. Impermeável, resistente e fácil de limpar, o couro também é muito prático de manter. Além de ser boa pedida para alérgicos de plantão. Assim como o linho, vai bem em casas onde haja crianças e pets. Se você quer toda a elegância do couro, mas não pode investir no material natural, existem alternativas “genéricas”. Como é o caso do corino, do PU e do courvin, que apresentam uma aparência semelhante, mas são mais baratos. Para manutenção é muito simples porém requer atenção, pois ser tão simples geralmente não se da atenção a sua limpeza usando produtos inadequados e de forma não constante. O couro requer atenção básica com produto adequado porém constante, pois se deixar acumular sujeiras ele também mancha.

  • Jacquard: Uma decoração única, cheia de personalidade, sem perder o requinte e sofisticação, requer o jacquard como tecido para estofado.  O jacquard vai super bem em ambientes com visual retrô, mais vintage e elaborado. Basta a presença de um estofado neste tecido para dar total destaque ao cômodo. Apesar de ter um valor bastante alto, o jacquard oferece várias vantagens. Sua trama não favorece o acúmulo de pó, por exemplo. Além de ser bastante resistente, sendo uma boa alternativa para quem tem pets e crianças em casa.

  • Veludo: Sua decoração prioriza a elegância, requinte e bom gosto? Então o veludo é a opção ideal de tipo de tecido para seu estofado.  O toque macio, suave e agradável é incomparável, porém seu custo é mais alto comparado aos demais tipos de tecidos. Mas vale a pena o investimento para ser belíssimo e refinado. O ponto fraco do estofado em veludo é que acaba retendo pelos de animais. Por isso não é recomendado para casas com pets. Também não é uma boa ideia para quem lares com crianças. Isso porque é um tecido com alta absorção, favorecendo manchas por derramamento de líquidos. O veludo em geral reage bem ao tratamento de higienização, sempre trazendo rezultados bem positivos em aspecto e sanitização.


Fatores Essenciais para a Escolha Ideal

  1. Estilo de Vida: Se você tem crianças ou pets, opte por tecidos resistentes e de fácil manutenção.

  2. Frequência de Uso: Sofás muito utilizados precisam de tecidos duráveis e que suportem o desgaste diário.

  3. Clima da Região: Escolha tecidos respiráveis para climas quentes e aconchegantes para climas frios.

  4. Orçamento: Defina quanto está disposto a investir no tecido do seu sofá.

Cuidados Essenciais para Manter Seu Sofá Impecável

  1. Limpeza Regular: Aspire o sofá semanalmente para remover poeira e sujeira.

  2. Proteção Contra Manchas: Use capas para evitar danos causados por líquidos e alimentos.

  3. Limpeza Profissional: Contrate um profissional para uma limpeza profunda a cada 6 meses ou 1 ano, adaptando conforme a necessidade.

Com essas dicas, seu sofá permanecerá não apenas confortável, mas também deslumbrante por muitos anos!

5 visualizações0 comentário
bottom of page